sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Farinha de berinjela, linhaça, banana verde, qual escolher????

A cada dia surge mais farinhas em pó, com tantas opções fica difícil decidir. Não se preocupe! a Maná irá te ajudar a escolher a melhor opção para você. Confira!!
É legal usar a farinha para diminuir o açúcar e gordura no sangue, ou seja, ajuda na prevenção de controle de diabetes, colesterol e por isso, ajuda a emagrecer! Outro fato importante, é que toda fibra, TODA, tem fibra insolúvel e solúvel na composição. Fibra insolúvel vai ajudar o intestino funcionar e a outra fibra, vai promover saciedade, tirando um pouco a fome!

Então é só maravilhas!!!!!

Existem no mercado farinha de beringela, farinha de linhaça, farinha de banana verde, farinha de brócolis, farinha de maçã, farinha de maracujá, farinha de laranja amarga, farinha de uva e farinha de feijão branco.

Sempre alguém me pergunta “pra que serve a farinha de feijão branco? “e a farinha de berinjela?”

Enfim!!!!! Basicamente é isso: a farinha vai ajudar vc a absorver menos carboidrato da dieta, menos gordura, vai dar saciedade e o resultado? Emagrecer!!!!!

As semelhanças são estas, mas as principais diferenças são:


FARINHA DE LINHAÇA 


Rica em omega 3 - rica em um composto fitoquímico chamado lignina, que possui estrutura química semelhante ao estrógeno, amenizando os sintomas da TPM, pois na falta do mesmo, a lignina entra em ação. Outra característica é concentração de omega 3 e 6, que são ácidos graxos essenciais importantes para a atividade cerebral, podendo diminuir sintomas somo depressão e irritabilidade. Além disso, os ácidos graxos também atuam na diminuição da retenção de líquido característica nesse período. Contra o colesterol, a farinha de linhaça tem duas vantagens, os ácidos graxos essenciais, como o omega 3 e 6, e as fibras solúveis. Os ácidos graxos ômega 3 e ômega 6 se destacam por seu potencial preventivo. Esse ácido graxo essencial, é uma gordura boa que atua como um protetor do coração, já que é um antioxidante com potente ação contra a formação de placas de ateroma, atuando na redução do colesterol total e triglicérides, além de reforçar o sistema imunológico, reduzir inflamações, retardar a coagulação sanguínea, evitando a trombose. As fibras solúveis e insolúveis encontradas na semente de linhaça, além de regular o transito intestinal prevenindo o câncer de cólon, se destacam por retardar a absorção de glicose e colesterol no intestino. A farinha é ideal para quem está preocupada com o intestino e quem quer reduzir glicemia e colesterol sanguíneo.

FARINHA DE BERINJELA 


Função hepática e diminuir colesterol. É composta quase totalmente por fibra. A principal é a do tipo solúvel, que age na diminuição do colesterol e glicemia no sangue. A farinha também protege as funções hepáticas aumentando a produção de bílis, fazendo com que mais uma vez, o combate ao colesterol seja feito. Além disso, ela é rica em antocianinas, que é o mesmo antioxidante presente no suco de uva e vinho, combatendo radicais livres em excesso, e protegendo os órgãos de doenças inflamatórias e combatendo o envelhecimento precoce. Também é rica em minerais como o potássio e magnésio, que ajudam o cálcio a se fixar nos ossos e no combate a câimbras e espasmos musculares, como cólica e enxaqueca. “Estudos mostram também que a farinha de berinjela age no controle de altos níveis plasmáticos de colesterol, diminuindo sua absorção pelo intestino e, também, com o efeito antioxidante sobre as proteínas de baixa intensidade (LDL – colesterol ruim). Por ser rica em fibras, a farinha de berinjela age melhorando a normalidade digestiva e a prevenção de doenças como constipação, hipercolesterolemia, hiperglicemia e obesidade”, esclarece.


FARINHA DE BANANA VERDE 

Rica em amido resistente, auxilia na função intestinal, principalmente para quem toma antibiótico e precisa tomar lactobacilos.
 É uma rica fonte de potássio, fósforo, magnésio, cobre, manganês. Possui também zinco, o que a torna ótima para a saúde dos ossos, fertilidade e imunidade. Mas, o diferencial desta farinha é o é o amido resistente. “Ele é similar à fibra alimentar que não é digerida nem absorvida pelo intestino delgado. Assim, no intestino grosso ele é fermentado, produzindo substâncias que servem como fonte de energia para produção de bactérias benéficas do nosso intestino. Essas bactérias têm a capacidade de manter a integridade da mucosa intestinal, que é responsável pela absorção adequada dos nutrientes e pela barreira da entrada de substâncias maléficas” explica Fernanda Granja. Desta forma, o consumo de banana verde auxilia no bom funcionamento do trânsito intestinal, evitando episódios de diarreia ou constipação, além de evitar o desenvolvimento de câncer de intestino. “Estudos indicam ainda que o consumo de amido resistente também atua na redução do colesterol, pela redução de sua produção pelo fígado, e pelo aumento da sua eliminação pelos ácidos biliares. Desta forma, a banana verde pode também ter uma importante função na prevenção do desenvolvimento de doenças do coração”, completa. O amido resistente também faz com que a quantidade de glicose liberada no sangue seja mais lenta. Isso contribui então para a prevenção do desenvolvimento de diabetes, e ajuda aqueles que já têm o diagnóstico de diabete, pois controla a glicemia no sangue, além do acúmulo de gordura corporal, devido ao aumento da saciedade promovido pelo amido resistente. 

FARINHA DE UVA 

Ótima fonte de antioxidantes e, principalmente, fonte de compostos fenólicos, como a luteonina, quercetina, procianidinas e o resveratrol. “As procianidinas e o resveratrol são agentes antioxidantes muito estudados nas doenças cardiovasculares, pois pesquisas mostram que eles agem diretamente na saúde do coração”, atesta a nutricionista. A farinha de uva nesse caso é para quem quer ter os benefícios dos antioxidantes do vinho sem precisar tomá-lo todos os dias. A luteonina é um composto fenólico importante para os olhos, indicado especialmente para perda da visão senil ou diabéticos descompensados, que precisam tomar um cuidado extra com a visão.

FARINHA DE FEIJÃO BRANCO 
 contém faseolamina, bom para os viciados em carboidratos. A novidade é proveniente do feijão-branco, e a faseolamina, uma proteína de reserva, é a responsável pela ação emagrecedora.

Ela tem como propriedade inibir a atividade da enzima alfa-amilase humana, que é a responsável pela transformação do amido ingerido em glicose.
Funciona assim: a alfa-amilase é liberada toda vez que nos alimentamos.
Sua função é ajudar na digestão dos carboidratos, convertendo-os em açúcares, que são lançados na corrente sanguinea, causando aumento da glicemia.
A ingestão da faseolamina inibe essa enzima, e faz que parte desses carboidratos não sejam digeridos, enviando-os diretamente ao intestino para eliminação através das fezes.
A proteína diminui os níveis de açúcar no organismo e desta forma auxilia na redução de peso.
FARINHA DE MARACUJÁ

É rica em fibras e pobre em carboidratos, por isso, é a mais indicada para controle da glicemia, sendo uma aliada para os diabéticos tipo 1 e 2. “A farinha da casca de maracujá é rica em pectina, uma fração de fibra solúvel que tem a capacidade de reter água formando géis viscosos que retardam o esvaziamento gástrico, ou seja, promove sensação de saciedade, ajudando no emagrecimento, e melhora o trânsito intestinal”, explica Fernanda. Diversos estudos mostram que dietas ricas em fibra dietética estão associadas com um risco reduzido de diabete e doenças cardiovasculares, assim como inversamente relacionadas com a resistência à insulina e com consequente aumento na sensibilidade desta, ajudando os pré-diabéticos.










FARINHA DE LARANJA


Contém citrus aurantium, que acelera o metabolismo local de gordura corporal.contém citrus aurantium, um princípio a ativo que acelera o metabolismo local de gordura corporal, diminuindo a gordura na parte da cintura e coxas.




 Conheça novas Farinhas que estão acabando de sair no mercado:


FARINHA DE CENOURA

É rica em betacaroteno, poderoso antioxidante que previne o envelhecimento precoce e é ótimo para cabelos e unhas, pois participa do processo de regeneração celular, ajudando também na formação do colágeno. Infelizmente, a farinha não contém vitamina C, pois o nutriente é sensível e se perde muito fácil na presença de luz.




FARINHA DE BETERRABA
 
É uma alternativa à farinha de trigo, pois não causa diferença nas preparações e ainda tem a vantagem de ser pouco calórica, além de não conter glúten e ser rica em fibras. Até agora, os produtos sem calorias para substituir a farinha tinham dois inconvenientes: o sabor desagradável e o fato de não deixarem a massa crescer


  
FARINHA DE TOMATE

Rico em vitaminas A, B, C e E  além de ter muitas proteínas e minerai, é um excelente alimento, que previne várias doenças se consumidos em estado natural.
Suas propriedades medicinais variam: é diurético, laxativo e digestivo. Aumenta a resistência ás infecções e é um bom renovador do sangue. O suco combate o escorbuto, substituindo perfeitamente a laranja. Utilizado no combate de prisão de ventre, infecções dos rins e bexiga.

   


FARINHA DE AMEIXA


Suas propriedades medicinais são enormes, uma das principais é seu efeito laxativo, recomendado para quem tem prisão de ventre. Eficaz contra hemorróidas e hipocondria. Por seus efeitos diuréticos, ela é indicada contra afecções de caráter inflamatório, das vias urinárias. A ameixa ainda pode trazer bons resultados contras as afecções das vias respiratórias, fraquezas, reumatismo, artrite, gota, arteriosclerose, nefrite.



FARINHA DE AMORA

A amora é uma fruta muito rica em vitamina A, B e C e contém ácido cítrico. Tem propriedades depurativas, digestivas e refrescantes. Seu suco tomado em jejum é excelente para obstipação intestinal e ingerido quente, cura a gengivite. Depurativa do sangue, anti-séptica, vermífuga, digestiva, recomendável aos que tem organismo saturado de ácido, como os que sofrem de reumatismo, gota e artrite. Rica em cálcio é usada no combate a osteoporose. Tem alto poder de potássio.


FARINHA DE LIMÃO TAHITI
  
O limão é ácido por excelência, rico em vitamina C, tem como propriedade medicinal o combate as doenças causadas pelo sistema imunológico. Sendo assim é muito indicado na prevenção da gripe e resfriados, sendo que seu uso diário fortalece o sistema imunológico  de maneira geral. Seu uso em sucos juntamente com outras frutas igualmente ricas em vitamina C, potencializa sua ação medicinal de fortalecedor do sistema imunológico. Utilizado em sucos bem diluídos em água contra a gastrenterite.

 FARINHA DE MAÇÃ

A maçã, além de nutritiva, é rica em vitaminas e em pectina, que estimulam e regulam as funções orgânicas, desintoxicando e fortalecendo o organismo. O consumo da farinha de maçã diminui a taxa de colesterol e a formação de cálculos biliares. Ajuda no processo de emagrecimento, pois o alto teor de potássio faz eliminar o sódio excedente e consequentemente, o excesso de água retida no corpo. O potássio é um elemento insubstituível na fisiologia do coração.A maçã evita a deposição de gorduras na parte arterial, evitando a arteriosclerose. Com isso melhora a circulação sanguínea, reduzindo o trabalho cardíaco, prolongando a vida útil do coração.

  
FARINHA DE MAMÃO

O mamão é uma das melhores frutas já estudadas, tanto pelo seu valor nutritivo, como pelo seu poder medicinal.
Um dos seus mais importantes princípios ativos é a papaína, uma enzima reconhecida como superior à pepsina e muito usada para prestar alívio nos casos de indigestão aguda.
O mamão em forma de farinha é muito utilizada devido sua composição nutritiva ser rica em hidratos de carbono, proteínas, fibras, mucilagens, vitaminas A, B1, B2, B5, E, C, sais minerais, fósforo, cálcio, ferro e papaína (enzima da vitalidade e do fortalecimento do sistema imunológico).
O mamão repõe as perdas de energia. A presença de papaína, fibra e mucilagem tem forte ação benéfica em todo sistema orgânico, incluindo também a função de emagrecimento devido as fibras e mucilagens existentes.
PRINCIPAIS PROPRIEDADES MEDICINAIS DO MAMÃO:É laxante, diurético, acidose, doenças do estômago e doenças do fígado. Auxilia nas dietas de emagrecimento, devido a presença de fibras e mucilagens.


  FARINHA DE MORANGO

Os morangos são soberanos na arte de curar. Fruto, folha e raiz têm grandes propriedades medicinais. De maneira geral, possui ação diurética e adstringente, combatem a diarréia crônica, combatem os cálculos, propriedades antiúricas e são aconselháveis para diversos males dos rins. Contra catarros pulmonares, afecções hepáticas, cálculos biliários, artritismo e a ictirícia. Além de ter alto poder antioxidante, combate o envelhecimento precoce das células e consequentemente, previne contra o câncer.
  
SUGESTÃO  DE USO: O legal seria usar todas!!!

Uma sugestão de uso para todas as farinhas citadas acima é o de uso como shake. Batidas com leite, ou com água, misturadas entre si ou somente com o suco puro de laranja.
Enfim, existem bôas combinações entre frutas e legumes e que resultam em sucos ou shakes altamente nutritivos e com alto poder medicianal, proporcionando ao organismo alimento rico e saudável.

Experimente as combinações de :
- beterraba + cenoura +  tomate + suco puro de laranja = composição rica em betacaroteno, antioxidante e vitamina C.

- Cenoura +  mamão + maçã + morango e suco puro de laranja = composição igualmente rica em betacaroteno, antioxidante e vitamina C, além de ser uma otima opção para café da manhã e para dietas de emagrecimento.

- Ameixa + morango + maçã +  amora + limão tahiti = composição rica em vitamina C e antioxidante, além de ser ótima opção para o verão. Experimente colocar folhas de hortelã quando for bater no liquidificador.


       Adoce os sucos com mel, que além de delicioso é muito nutritivo e mais saudável que açúcar comum.


Fonte:Postado por Dra Fernanda Granja – Nutricionista Funcional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário